Se eu fizer a diferença na vida de uma pessoa, já tenho meu objetivo alcançado.

Arquivo para a categoria ‘Geral’

RESGATE A SUA ALEGRIA

Você já percebeu que muito se fala em sentimentos negativos como raiva, ódio, tristeza, dor, culpa, mas pouco se dedica às emoções positivas e gostosas como a alegria?
Afinal, nossa própria cultura supervaloriza o sofrer e até nos faz sentir culpados quando estamos em estado de graça, fazendo-nos esquecer que também podemos ser alegres e felizes.
Quem nunca ouviu aquele ditado: “quem ri muito, acaba chorando”?
Dizem que só crescemos e mudamos na dor e no sofrimento.
Por que não o oposto?
Infelizmente, as pessoas tendem a se acomodar quando tudo está bem.
Mas é possível mudar através da alegria e da exaltação, pois a essência para qualquer mudança é entrarmos em contato com nossos verdadeiros sentimentos e isso pode ser através do sofrimento ou da alegria.
Mas, como estão seus sentimentos internos, suas emoções?
Tente perceber como está se sentindo neste momento…
Qual é o seu estado de espírito?
Eu sei, temos tantos problemas, mas será que você não pode olhar um a um sob outra ótica? Sempre podemos tirar uma lição de tudo que nos acontece, depende como encaramos os fatos. Procure se lembrar de algum momento que te trouxe alegria, paz no coração…
Como você se sentiu?
A emoção da alegria nos aquece, como se um calor vindo do plexo solar irradiasse para todo o corpo, os gestos ficam mais leves, os músculos tendem a relaxar, muitos têm o desejo de cantar, outros de gritar, outros preferem o silêncio.
A alegria em geral sugere a proximidade com outras pessoas.
A auto-imagem que expressamos quando alegres demonstra autoconfiança, nos sentimos importantes.
Além do que, ficamos muito mais bonitos.
Quando alegres ficamos muito mais iluminados, mais generosos, pacientes, solidários.
Porém também ficamos mais manipuláveis, pois estamos mais abertos e flexíveis.
Contudo, existe uma parte sombria na alegria.
Já reparou que muitas vezes estragaram sua alegria?
Quantas vezes você foi contar que estava alegre e o outro como resposta começa a falar da última tragédia que lhe aconteceu, como se sentisse uma inveja oculta da sua alegria?
Com certeza sua bolha de alegria se estourou no ar.
Às vezes convivemos com pessoas muito críticas, destrutivas, amarguradas e que inconscientemente não conseguem ver ninguém feliz e machucam, magoam e maltratam quem está ao seu lado, tornando difícil encontrar bem-estar e paz interior perto delas.
São pessoas que parecem sentir prazer em destruir a alegria alheia, pois elas mesmas sentem-se incapazes de nutrir tal sentimento.
Relacionar-se com pessoas assim, torna difícil sentir-se livre para rir.
Aos poucos passamos a ter vergonha do que sentimos, controlamos nossas emoções e inconscientemente, reprimimos o que sentimos, em especial, a alegria.
A parte sombria da alegria nos faz muitas vezes sentir culpados, enquanto a alegria saudável nos faz criativos e exaltados.
Ao sentirmo-nos alegres, ficamos mais inspirados a imaginar e criar.
O que pode levar a encontrar outros caminhos quando surge uma dificuldade.
Mesmo em situações de dor, procure buscar uma gota de esperança.
Deixe que a esperança de algo melhor esteja sempre presente. Acreditar que você pode sentir alegria é a própria esperança.
E ir no caminho desta busca é a própria alegria. Temos muitas fontes de alegria, mas quando você sente-se alegre?
Pode ser quando há uma deliciosa sensação de paz, liberdade, quando está amando, bem-humorado, satisfeito ou em outros momentos.
Os motivos podem variar conforme o grau de amor-próprio e satisfação interna.
Quanto mais gostamos de nós mesmos, mais motivados ficamos a encontrar satisfação no que fazemos.
O que está impedindo você de estar bem?
Por que você permite que uma situação que o faz infeliz se mantenha?
É importante buscar essas respostas.
Muitos ainda não permitem sentir alegria, como se não fossem merecedores ou, sentindo-se assim, pudessem ferir outras pessoas.
O caminho para a alegria é sempre a harmonia interior.
Ela é fruto da criação individual. Como diz um trecho da música Harmonia de Sá e Guarabyra: “…Harmonia é ver o sol nascer com o brilho da lua ainda lá.
Harmonia é a rua e é você é a luz do escuro no olhar.
Que desejo tão fácil de se ter, que presente difícil de ganhar, mas é sina do homem procurar harmonia…
” Mas quando e como fazer para sentirmo-nos alegres?
Pare um pouco e pense em um momento alegre de sua vida.
recordar um momento que lhe foi especial. Feche os olhos e lembre-se de um desses momentos… Traga este sentimento de prazer para dentro de você e para o momento presente.
Com este pequeno exercício podemos perceber que podemos entrar em contato com a alegria também pela imaginação e podemos principalmente, resgatar a alegria perdida.
Procure as fontes de alegria em sua vida, faça um pouco mais o que gosta.
Aprenda a reconhecer e agradecer os presentes sem valor material que ganha, a valorizar “os pequenos grandes momentos”, como um abraço ou um beijo carinhoso que recebeu.
Celebre acima de tudo a dádiva da vida, do céu azul, da natureza que está aí para você, aprenda a saborear cada momento como se fosse único.
Coloque um sorriso no rosto e pratique a terapia do riso, da alegria sempre que puder.
Se prestar atenção em seu rosto neste momento, poderá perceber que seus olhos estão mais brilhantes e você deve estar com um leve sorriso no rosto.
Não, não o tire, contagie as pessoas que estão ao seu lado com sua alegria e seu prazer de viver!

Fonte:  http://refletiresentir.blogspot.com.br

Anúncios

BRILHE POR SI MESMO

   Busque o sucesso por si mesmo, sem passar por cima dos outros. Lute pelos seus ideais, mas não queira alcançar o topo prejudicando outras pessoas. Todos têm oportunidades de crescer na vida, sem precisar invadir o espaço de ninguém. Se acreditarmos que podemos fazer algo pela nossa vida, então façamos, porém de forma leal. Querer “subir” às custas de injustiças e mentiras é uma escolha arriscada. Porque você até pode desfrutar dos louros da vitória, mas será só momentaneamente.

    Como disse o escritor Luis Fernando Veríssimo, ” O MUNDO É COMO UM ESPELHO QUE DEVOLVE A CADA PESSOA O REFLEXO DE SEUS PRÓPRIOS PENSAMENTOS E ATOS”. Lembre-se: ao despertarmos todos os dias com a certeza de que podemos crescer lutando dignamente por nossos objetivos, nos sairemos vitoriosos. Agora, se insistirmos em querer brilhar atropelando quem surge à nossa frente, viveremos um sucesso ilusório. Por isso, não engane ou minta para tirar  proveito de alguém. Não faça mal a ninguém, porque quem faz mal paga em dobro. E o contrário também é verdadeiro.

 Uma ótima semana a todos!!

Autora: Karla Precioso

Fonte: Revista ANA MARIA

Ontem e Amanhã

Hoje vou apagar do meu calendário dois dias:
Ontem e Amanhã!
Ontem foi para aprender!
Amanhã será uma consequência do que posso fazer hoje.
Hoje enfrentarei a vida com a convicção de que este dia
nunca mais retornará.
Hoje é a última oportunidade que tenho de viver intensamente.
Já que ninguém me assegura que amanhã verei o amanhecer.
Hoje terei coragem para não deixar passar as oportunidades que se apresentam,
que são as minhas chances de triunfar!
Hoje aplicarei a minha riqueza mais apreciada: O meu tempo!
Meu trabalho mais transcendental:
A minha vida!
Passarei cada minuto apaixonadamente para transformar este dia num único
e no melhor dia da minha vida!
Hoje vencerei cada obstáculo que surgir no meu caminho
acreditando que vencerei!
Hoje resistirei ao pessimismo e conquistarei o mundo com um sorriso
com uma atitude positiva esperando sempre o melhor!
Hoje farei de cada humilde tarefa uma sublime expressão!
Hoje terei meus pés sobre a terra compreendendo a realidade!
E as estrelas cintilarão para inaugurar o meu futuro.
Hoje usarei o tempo para ser feliz!
Deixarei as minhas pegadas e a minha presença
nos corações queridos!
Venha viver comigo uma nova estação onde sonharemos
que tudo o que nos propomos pode ser possível!
E ousaremos brindar a próxima manhã
com a certeza de um dia melhor.

A Idade de Ser Feliz!

Existe somente uma idade para a gente ser feliz,
somente uma época na vida de cada pessoa
em que é possível sonhar e fazer planos
e ter energia bastante para realizá-las
a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente
e desfrutar tudo com toda intensidade
sem medo, nem culpa de sentir prazer.

Fase dourada em que a gente pode criar
e recriar a vida,
a nossa própria imagem e semelhança
e vestir-se com todas as cores
e experimentar todos os sabores
e entregar-se a todos os amores
sem preconceito nem pudor.

Tempo de entusiasmo e coragem
em que todo o desafio é mais um convite à luta
que a gente enfrenta com toda disposição
de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO,
e quantas vezes for preciso.

Essa idade tão fugaz na vida da gente
chama-se PRESENTE
e tem a duração do instante que passa.

Lição do Rato

Ninguém escapa da Lei do Retorno (Ação e Reação), por isso devemos pensar e refletir antes de decidir, pois estamos interagindo no mundo dos outros. Para chegarmos ao estado de paz (Altitude), temos que ter atitudes. Pensem nisso!!!

 

Um rato, olhando pelo buraco na parede, vê o fazendeiro e sua esposa abrindo um pacote.

Pensou logo no tipo de comida que haveria ali.
Ao descobrir que era ratoeira ficou aterrorizado.
Correu ao pátio da fazenda advertindo a todos:

– Há ratoeira na casa, ratoeira na casa !!
A galinha:

– Desculpe-me Sr. Rato, eu entendo que isso seja um grande problema para o senhor, mas não me prejudica em nada, não me incomoda.
O rato foi até o porco e:
 
– Há ratoeira na casa, ratoeira !

– Desculpe-me Sr. Rato, mas não há nada que eu possa fazer, a não ser orar. Fique tranquilo que o Sr. será lembrado nas minhas orações.

O rato dirigiu-se à vaca e:
 
– Há ratoeira na casa!

– O que? Ratoeira? Por acaso estou em perigo? Acho que não!

Então o rato voltou para casa abatido, para encarar a ratoeira.
 
Naquela noite, ouviu-se um barulho, como o da ratoeira pegando sua vítima.. A mulher do fazendeiro correu para ver o que havia pego. No escuro, ela não percebeu que a ratoeira havia pego a cauda de uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher…
 
O fazendeiro a levou imediatamente ao hospital.
Ela voltou com febre.
Todo mundo sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha.
O fazendeiro pegou seu cutelo e foi providenciar o ingrediente principal.
 
Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la.
Para alimentá-los, o fazendeiro matou o porco.

A mulher não melhorou e acabou morrendo.
 
Muita gente veio para o funeral. O fazendeiro então sacrificou a vaca, para alimentar todo aquele povo.

Moral da História:

Na próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acreditar que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que quando há uma ratoeira na casa, toda fazenda corre risco. 
 
O problema de um é problema de todos!

“Nós aprendemos
a voar como os pássaros,
a nadar como os peixes,
mas ainda não aprendemos
a conviver como irmãos. “

Pensamos nisso!

Filosofia do Sucesso

Se você pensa que é um derrotado,
você será derrotado.
Se não pensar “quero a qualquer custo!”
Não conseguirá nada.
Mesmo que você queira vencer,
mas pensa que não vai conseguir,
a vitória não sorrirá para você.

Se você fizer as coisas pela metade,
você será fracassado.
Nós descobrimos neste mundo
que o sucesso começa pela intenção da gente
e tudo se determina pelo nosso espírito.

Se você pensa que é um malogrado,
você se torna como tal.
Se almeja atingir uma posição mais elevada,
deve, antes de obter a vitória,
dotar-se da convicção de que
conseguirá infalivelmente.

A luta pela vida nem sempre é vantajosa
aos fortes nem aos espertos.
Mais cedo ou mais tarde, quem cativa a vitória
é aquele que crê plenamente
Eu conseguirei!

Napoleon Hill

(Napoleon Hill nasceu 26 de outubro 1883 no Estado da Virgínia, nos Estados Unidos em uma família pobre e morreu no ano 1970. )

Bibliografia

  • A Lei do Triunfo
  • Os Degraus da Fortuna
  • Pense e Enriqueça
  • Um Ano para Enriquecero
  • A Chave Mestra das riquezas
  • Chaves para o Sucesso
  • Sucesso e Riqueza pela Persuasão
  • As Chaves para o Pensamento Positivo
  • Você Pode Fazer os Seus Milagres
  • Quem Pensa Enriquece
  • Paz de Espírito, Riqueza e Felicidade
  • As Regras de Ouro de Napoleon Hill

Estratégia Disney

Como o realizador de sonhos criava e realizava?

Walt Disney (1901-1966) criou um império de lazer que permanece, mais de três décadas após sua morte. Além da Disneylândia e os estágios iniciais do Disney World, produziu 497 filmes de curta metragem, 21 filmes de animação, 56 filmes de longa metragem, 7 episódios de “A vida como ela é”, 330 horas do Mickey Mouse Club, 78 emissões de meia hora do Zorro e 330 horas de outros shows de televisão. Disney também foi responsável por várias inovações empresariais e técnicas importantes no campo da animação e do cinema em geral. Disney possuía uma capacidade excepcional, inerente aos gênios: pegar algo que existe apenas na imaginação e dar a este algo uma existência física que influencia de maneira positiva a experiência das pessoas. E o que tornou isto possível? Walt Disney usava uma estratégia bem definida para conseguir o que queria. Era como se fossem três Disneys diferentes. O sonhador tinha toda a liberdade de usar a imaginação. O realista era o tradutor das fantasias em forma tangível. E o crítico aplicava o julgamento. O sonho elaborado pelo sonhador era passado ao realista, cuja tarefa era segmentar o sonho em partes administráveis e executáveis. O crítico então era acionado para reconhecer o que estava bom e questionar o que não estava dentro dos critérios. O sonhador passava então a elaborar novas idéias para atender os requisitos de qualidade do crítico e solucionar problemas identificados.

O ciclo se repetia até que todos estivessem satisfeitos. Cada personagem de Disney tinha seus próprios métodos e características. O sonhador era livre e espontâneo. O realista era organizado e analítico, e levava em conta recursos e limitações da realidade. Para o sonhador e o realista era importante ter novas idéias, mas o mesmo não ocorria para o crítico, cujo enfoque era a qualidade. Cada um trabalhava em salas diferentes, e até suas posturas físicas eram distintas.

Fonte: http://www.possibilidades.com.br

Um Vídeo para complementar.